ARQUEOLOVIA ASTROVIA DORNAS ITAÚNA J.A. FONSECA SÃO TOMÉ UFOVIA VIA FANZINE           

 

CULTURA

 

  

São Tomé das Letras:

Prefeitura cadastra músicos locais

A Prefeitura de São Tomé das Letras está cadastrando todos os músicos locais para exercerem suas atividades na cidade. Nossa reportagem falou com o dirigente da AMA que esclareceu alguns pontos sobre o cadastramento.

  

Por Pepe Chaves*

De São Tomé das Letras

Para Via Fanzine

07/06/2021

 

Cadastro de artistas está sendo feito no Receptivo Turístico.

- Leia outras matérias:

Destaques do Jornal São Tomé Online

Outros destaques em Via Fanzine

 

Faz alguns meses, a Associação de Músicos de Artistas de São Tomé das Letras (AMA) solicitou junto ao Departamento de Cultura da Prefeitura local informações cadastrais de artistas locais.

 

Gabola Fernandes, dirigente da AMA falou conosco e explicou que esta entidade, que ainda está sendo formalizada, não tem responsabilidade sobre o cadastramento de artistas locais.

 

Como dirigente da AMA, Fernandes foi cobrado por alguns artistas (assim como este jornal) sobre o andamento deste cadastro artístico local e as preparações para a retomada das atividades artísticas em todo o município – o que se espera para breve.

 

De acordo com ele, “Todo o tramite depende do Departamento de Cultura da Prefeitura para a retomada musical. A AMA não tem poder de deliberação”.

 

Músicos e artistas devem se cadastrar

 

O dirigente nos informou que a Prefeitura está realizando o cadastramento dos artistas locais, de duas maneiras: presencialmente, no horário de 9 às 12h e 14 às 17h, no Receptivo Turístico da cidade; ou através do telefone (35) 3237-1276. De acordo com o Departamento de Cultura, todos os artistas, e não somente músicos poderão se cadastrar para exercer suas atividades legais no município.

 

Gabola Fernandes ressalta que este cadastramento será necessário tanto aos músicos que se apresentam em espaços públicos abertos, quanto aos músicos que se apresentam em espaço comerciais. Ele explica que a AMA ainda é uma entidade extraoficial em formação. Somente após a realização de uma assembleia pública, será criado o estatuto da entidade. Portanto, no momento, a AMA não atua como uma associação, mas um coletivo social.

 

Ele também informa que nenhum artista ou agente cultural do município teve acesso ao plano de retomada do Departamento de Cultura, que até o momento não foi tornado público ou teve datas estipuladas.

 

Fernandes nos disse que a Prefeitura o informou que, após o cadastramento dos artistas será feito também um cadastramento de comerciantes que trabalham com música ao vivo no município.

 

Segundo ele, este cadastramento firmará um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) entre os proprietários de estabelecimentos e o poder público, propiciando assim, a liberação dos espaços, após a assinatura de um novo decreto municipal que propicie a retomada artística na cidade.

 

*  Pepe Chaves é jornalista e editor do diário digital Jornal São Tomé Online e da Rede de Portais ZINESFERA.

 

- Imagem: Prefeitura de São Tomé das Letras.

 

- Clique aqui para CURTIR Jornal São Tomé Online

 

- Leia outras matérias:

Destaques do Jornal São Tomé Online

Outros destaques em Via Fanzine

 

- Produção: Pepe Chaves

  © Copyright 2021, Pepe Arte Viva Ltda.

 

 

Ir para a página principal

 

ARQUEOLOVIA ASTROVIA DORNAS ITAÚNA J.A. FONSECA SÃO TOMÉ UFOVIA VIA FANZINE           
© Copyright 2004-2021 Pepe Arte Viva Ltda.